Última hora

Última hora

"Europe Weekly": Desenvolvimentos na Grécia e no Irão no centro das atenções europeias

O Parlamento grego votou e aprovou, na quarta-feira à noite, as medidas de austeridade impostas pelos credores europeus à Grécia. Em troca, um

Em leitura:

"Europe Weekly": Desenvolvimentos na Grécia e no Irão no centro das atenções europeias

Tamanho do texto Aa Aa

O Parlamento grego votou e aprovou, na quarta-feira à noite, as medidas de austeridade impostas pelos credores europeus à Grécia. Em troca, um terceiro programa de resgate poderá salvar o país da bancarrota. O assunto está em destaque em mais uma edição de “Europe Weekly”, programa onde passamos em revista o assuntos que marcaram a atualidade europeia da semana.

O programa de resgate causou tensões no seio do próprio Syriza. Yannis Varoufakis, o antigo ministro das Finanças, e o ministro da Energia estão entre o grupo dos que se opuseram veementemente ao programa de resgate.
Entretanto, pelo menos 12 mil cidadãos que votaram contra as medidas de austeridade, há menos de duas semanas, saíram às ruas de Atenas em protesto contra o programa. Assistiram-se aos episódios mais violentos na capital grega em dois anos.

Ainda esta semana, o mundo respirou de alívio quando, depois de mais de uma década de confrontos, a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, em representação também das potências mundiais, e o ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohammad Javad Zarif, anunciaram um acordo sobre o programa nuclear. Nas ruas de Teerão houve manifestações de júbilo.

Na Europa, o governo húngaro começou a construir um muro de quatro metros de altura e 175 quilómetros ao longo da fronteira com a Sérvia para impedir migrantes ilegais de entrar no país. Alguns observadores comparam esta obra ao muro de Berlim.

A agenda da próxima semana:

Segunda-feira – Grécia tem de pagar 3.5 mil milhões de euros ao Banco Central Europeu em Frankfurt.

Os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia encontram-se em Bruxelas.

Na capital belga, os ministros do Interior da União Europeia voltam a discutir a questão da realocação de migrantes.

Terça-feira – Ministros do ambiente da União Europeia reúnem-se no Luxemburgo.