Última hora

Última hora

A mochila solar que dá luz à noite

Em leitura:

A mochila solar que dá luz à noite

Tamanho do texto Aa Aa

Estamos em Rustemburgo, na África do Sul. Kamogelo tem 9 anos de idade. Acompanhamo-lo no caminho de escola para casa, onde vai fazer os deveres

Estamos em Rustemburgo, na África do Sul. Kamogelo tem 9 anos de idade. Acompanhamo-lo no caminho de escola para casa, onde vai fazer os deveres. Kamogelo vive num bairro precário, muitas vezes afetado por cortes de eletricidade.

No entanto, a solução para isso está… na mochila da escola. O saco contém um dispositivo tecnológico que acumula energia durante os percursos diários. A bolsa na parte dianteira dispõe de um painel solar. Uma vez em casa, basta ligar a um frasco preparado para o efeito e terá luz até 12 horas.

“Isto ajuda muito quando não há eletricidade, porque assim tenho luz para ler e fazer os meus trabalhos”, conta-nos Kamogelo.

As mochilas da escola são feitas a partir de sacos de plástico reciclados. Na fábrica Repurpose Schoolbags, em Rustemburgo, o plástico é limpo e processado para ficar maleável. Os sacos dispõem ainda de materiais refletores que aumentam a visibilidade das crianças nas estradas. O design e as cores também são apelativos, ou o alvo final não fossem os mais novos.

“Eles gostam destes sacos. Lembro-me da primeira vez que os entregámos, uma das crianças chorou e isso marcou-me. Os pais dizem-nos que as crianças conseguem fazer os trabalhos de casa direito. Por isso, acho que estamos a ter um impacto positivo na vida delas”, afirma Rea Ngwane, cofundadora da marca.

A Repurpose Schoolbags pretende levar este conceito até outros países africanos, onde o acesso à eletricidade ainda é limitado.