Última hora

Última hora

Schäuble quer redução de poderes da Comissão Europeia

O ministro alemão das Finanças, Wolfgang Schäuble, defende que a Comissão Europeia deve deixar de ter poderes de regulação, perante um cenário de

Em leitura:

Schäuble quer redução de poderes da Comissão Europeia

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro alemão das Finanças, Wolfgang Schäuble, defende que a Comissão Europeia deve deixar de ter poderes de regulação, perante um cenário de “politização” crescente.

De acordo com o diário “Frankfurter Allgemeine”, Schäuble propõe que se transfiram competências como a proteção dos tratados, a defesa de normas de livre concorrência e a supervisão do mercado, para organismos independentes.

Bruxelas demarca-se de alegações de interferência.

“Podemos dizer que a Comissão Europeia é mais política, mas significa que somos partidários? Não. Uma comissão mais política não é necessariamente mais partidária. O facto de a Comissão ser mais política significa simplesmente que está mais consciente do que se passa no terreno e do que os cidadãos esperam de nós”, sublinhou a porta-voz do executivo comunitário,Mina Andreeva.

Ao que tudo indica, o ministro alemão das Finanças pretende enquadrar a proposta no contexto das discussões esperadas para o outono com o referendo britânico à permanência na União Europeia.

Wolfgang Schäuble defende ainda que a Comissão Europeia ceda o lugar ao Eurogrupo como representante dos credores europeus nas negociações com a Grécia.