Última hora

Última hora

Vinte e um filmes disputam o Leão de Veneza

Em leitura:

Vinte e um filmes disputam o Leão de Veneza

Tamanho do texto Aa Aa

O Festival Internacional de Cinema de Veneza reune, para sua 72ª edição, alguns dos maiores nomes de Hollywood e uma vasta seleção de películas

O Festival Internacional de Cinema de Veneza reune, para sua 72ª edição, alguns dos maiores nomes de Hollywood e uma vasta seleção de películas norte-americanas e internacionais.

Este ano concorrem vinte e um filmes, entre os quais “The Danish Girl”, de Tom Hooper, e “Heart of a Dog”, de Laurie Anderson.

O júri será presidido pelo realizador mexicano
Alfonso Cuarón, conhecido pelo filme “Gravidade”, e inclui as actrices Elizabeth Banks e Diane Kruger.

O diretor do festival, Alberto Barbera, anunciou em Roma a lista de filmes em competição:

“A presença americana é provavelmente a mais surpreendente, a mais variada. A diferença entre as películas está bem patente”, disse Barbera.

Um dos filmes mais esperados, segundo o director do Festival de Veneza, é “Beasts Of No Nation”, de Cary Fukunaga, uma adaptação do livro de Uzodinma Iweala, que conta a história de uma criança-soldado num país africano.

Fora de competição está o filme de abertura, “Everest”, de Baltasar Kormakur, com Jake Gyllenhaal, Josh Brolin, Keira Knightley, baseado no desastre de 1996 na montanha mais alta do mundo, que provocou a morte de oito alpinistas.

Este ano, o Festival de Veneza começa uns dias mais tarde do que o habitual, a 2 de Setembro.

A estreia do cineasta português João Salaviza na longa-metragem, “Montanha”, vai ser exibida na secção paralela Semana da Crítica.

No dia 12, o júri atribuirá o Leão de Ouro do festival de cinema mais antigo do mundo ao melhor filme.