Última hora

Última hora

Grécia apela à UE para lidar com imigrantes

O primeiro-ministro da Grécia diz que as infraestruturas do país não conseguem lidar com o enorme fluxo de imigrantes que chegam pelo mar, vindos do

Em leitura:

Grécia apela à UE para lidar com imigrantes

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro da Grécia diz que as infraestruturas do país não conseguem lidar com o enorme fluxo de imigrantes que chegam pelo mar, vindos do norte de África e do Médio Oriente.

Depois da agência das Nações Unidas para os refugiados ter instado Atenas a controlar o “caos total” nas ilhas gregas, que viram chegar cerca de 124.000 imigrantes este ano, Alexis Tsipras apelou à assistência da União Europeia. O chefe do governo grego frisou que “se não houver uma ajuda substancial, a nível europeu, será muito difícil resolver a situação”.

Segundo a Frontex – a Agência Europeia de Controlo de Fronteiras – só em julho chegaram à Grécia 50.000 imigrantes. Um número recorde, superior ao registado em todo o ano de 2014.