Última hora

Última hora

Rússia: Rublo fraco dá força à Gazprom

Em leitura:

Rússia: Rublo fraco dá força à Gazprom

Tamanho do texto Aa Aa

Apesar de uma quebra nas vendas para a Europa, os lucros da Gazprom dispararam 71% no primeiro trimestre do ano, em grande parte por causa da desvalorização do rublo. O maior produtor russo de gás não tem, no entanto, grandes motivos para celebrar, já que a continuada queda nos preços do petróleo, que determinam o preço do gás, e as sanções ocidentais devem refletir-se nos resultados já no segundo trimestre.

Para alcançar 382 mil milhões de rublos em lucro líquido, contra 223 mil milhões em igual período de 2014, a Gazprom beneficiou de duas circunstâncias. Por um lado, o gás é vendido em dólares e a moeda russa perdeu metade do seu valor desde o ano passado, o que insuflou os resultados apresentados em rublos. Por outro, as vendas no primeiro trimestre foram feitas com o gás indexado a barris de petróleo que valiam o dobro dos atuais cerca de 50 dólares por barril.