Última hora

Última hora

França: Tiroteio em comboio pode ter sido atentado terrorista

O tiroteio no comboio que fazia o trajeto entre Amesterdão e Paris pode ter sido um atentado terrorista – é esta a hipótese adiantada pelas

Em leitura:

França: Tiroteio em comboio pode ter sido atentado terrorista

Tamanho do texto Aa Aa

O tiroteio no comboio que fazia o trajeto entre Amesterdão e Paris pode ter sido um atentado terrorista – é esta a hipótese adiantada pelas autoridades francesas. Três pessoas ficaram feridas, duas delas em estado grave.

O autor dos disparos, um jovem de origem marroquina de 26 anos, estava armado com pelo menos uma Kalashnikov e várias armas brancas.

O comboio foi desviado da rota habitual para a pequena cidade de Arras, no departamento de Pas-de-Calais.

Dois cidadãos norte-americanos conseguiram imobilizar o homem armado. O ministro do interior francês, Bernard Cazeneuve, fez questão de lhes agradecer: “Juntamente com o Presidente e com o Primeiro-Ministro exprimo a estes dois passageiros americanos – que demonstraram uma enorme coragem em circunstâncias extremamente difíceis – toda a nossa gratidão e admiração pelo seu sangue frio que pode ter evitado uma terrível tragédia.”

Segundo os responsáveis, estavam 554 passageiros a bordo, na altura do ataque. Entre eles o ator francês Jean-Hughes Anglade que ficou ligeiramente ferido, na tentativa de
de acionar o alarme para imobilizar o comboio.