Última hora

Última hora

Mundiais de Judo, Astana 2015: Portugueses discretos e um brasileiro à beira do bronze

A argentina Paula Pareto foi a primeira a fazer a festa nos Mundiais de Judo de Astana, que arrancaram esta segunda-feira. Neste primeiro dia de

Em leitura:

Mundiais de Judo, Astana 2015: Portugueses discretos e um brasileiro à beira do bronze

Tamanho do texto Aa Aa

A argentina Paula Pareto foi a primeira a fazer a festa nos Mundiais de Judo de Astana, que arrancaram esta segunda-feira. Neste primeiro dia de competição no Cazaquistão, disputaram-se já duas finais: a de -48 kg femininos e a de -60 kg masculinos.

Na final feminina, a bicampeã do mundo, a japonesa Haruna Asami enfrentou Paula Pareto e foi surpreendida. A sul-americana começou algo tímida, mas ganhou confiança e acabou por ganhar beneficiando de uma penalidade.

Leandra Freitas esteve em prova nesta categoria. A portuguesa acabou eliminada logo na primeira ronda pela experiente italiana Valentina Moscatt.

Pódio de -48 kg femininos:
Ouro: Paula Pareto (Arg);
Prata: Haruna Asami (Jap);
Bronze: Bo Kyeong Jeong (Cor) e Ami Kondo (Jap).

Em -60 kg, o cazaque Yeldos Smetov enfrentou o compatriota Rustam Ibrayev. O triunfo foi conseguido à tira, através de “shido”. Nesta categoria esteve em prova o português Nuno Carvalho. O judoca de Ponta Delgada foi eliminado na segunda ronda pelo mexicano Nabor Castillo.

O brasileiro Felipe Kitadai lutou pelo bronze, mas acabou derrotado pelo atual campeão mundial de juniores, o japonês Toru Shishime.

Pódio de -60 kg masculinos:
Ouro: Yeldos Smetov (Caz);
Prata: Rustam Ibrayev (Caz);
Bronze: Toru Shishime (Jap) e Won Jin Kim (Cor).

Esta terça-feira, entre os portugueses, sobem ao “tatami” Joana Ramos (-52kg), Diogo César (-66kg) e Sergiu Oleinic (-66kg). Telma Monteiro (-57kg) entra em prova na quarta-feira.