Última hora

Última hora

US Open em ténis já mexe e Andre Agassi não espera surpresas

A atravessar uma grande nível, Roger Federer é um dos favoritos para o US Open em ténis. O suíço, de 34 anos, acaba de ganhar o Open de Cincinnati a

Em leitura:

US Open em ténis já mexe e Andre Agassi não espera surpresas

Tamanho do texto Aa Aa

A atravessar uma grande nível, Roger Federer é um dos favoritos para o US Open em ténis. O suíço, de 34 anos, acaba de ganhar o Open de Cincinnati a Djokovic e recuperar o segundo lugar no ranking ATP. Mas o sérvio mantém-se como número 1 do mundo e Andre Agassi divide-se entre os dois a tentar antecipar quem vai suceder ao croata Marin Cilic como campeão do “major” norte-americano.

“A forma como o Federer jogou na semana passada… para mim, o tempo não passa por ele. A idade e o tempo não passam por ele. O favorito para o torneio é o Djokovic, mas tudo está em aberto”, referiu o norte-americano, de 45 anos, bicampeão do US Open (1994 e 1999).

Se no quadro masculino, Agassi se foca nos atuais dois melhores do Mundo, no quadro feminino, o marido de Steffi Graf reduz ainda mais a aposta, mas continua a apontar para o topo da hierarquia mundial: “Se o futuro estiver de acordo com o passado, é difícil prever outra campeã que não a Serena Williams.”

Agassi foi uma das lendas do passado que se juntou a estrelas do presente como Federer, Rafael Nadal, Serena ou Maria Sharapova, que participaram em mais um bem-disposto torneio de ténis de rua, em Nova Iorque, que teve John McEnroe como árbitro e serviu de aperitivo para o US Open, onde vai estar também o português João Sousa, atual número 46 do mundo.