Última hora

Última hora

Marwijk apresentado na Arábia Saudita e Bayern "veste-se" para foto cervejeira

A Arábia Saudita apresentou esta quarta-feira Bert van Marwijk como novo selecionador de futebol. O holandês, de 63 anos levou a Holanda à final do

Em leitura:

Marwijk apresentado na Arábia Saudita e Bayern "veste-se" para foto cervejeira

Tamanho do texto Aa Aa

A Arábia Saudita apresentou esta quarta-feira Bert van Marwijk como novo selecionador de futebol. O holandês, de 63 anos levou a Holanda à final do Mundial de 2010, na África do Sul, e mostrou-se confiante em regressar ao torneio, em 2018, na Rússia.

Marwijk, ainda assim, assinou apenas por um ano. O holandês garantiu ter sido seduzido pelo projeto com vista ao Mundial da Rússia, mas admitiu que a proposta salarial “das arábias” também pesou.

Na Alemanha, o plantel do Bayern de Munique juntou-se esta semana para a habitual foto de família, com jogadores e treinadores envergando diversas versões do tradicional fato da Baviera, o “Lederhosen”, e cada um com um copo de cerveja na mão. O evento é patrocinado por uma das conceituadas cervejeiras bávaras.

Em Riade, por fim, uma jogada inofensiva, mas um guarda-redes demasiado imprudente, permitiram aos sauditas do Al-Hilal abrir caminho a uma goleada, por 4-1, sobre o Lekhwiya, do Catar, na primeira mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões asiáticos.

Logo aos 11 minutos, o guarda-redes franco marroquino Amine Lecomte demorou demasiado tempo a afastar a bola da área e quando o decidiu fazer acertou em cheio no brasileiro Ailton Almeida, do Al Hilal. A bola acabou dentro da baliza de Amine.

A segunda mão joga-se no Catar a 15 de setembro, mas a tarefa do Lekhwiya ficou muito difícil.