Última hora

Última hora

Migração: Esperança e incertezas no caminho para um novo começo

Milhares de pessoas partem numa espécie de peregrinação, da Grécia à Europa do norte, passando pela Macedónia, pela Sérvia e pela Hungria, para

Em leitura:

Migração: Esperança e incertezas no caminho para um novo começo

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas partem numa espécie de peregrinação, da Grécia à Europa do norte, passando pela Macedónia, pela Sérvia e pela Hungria, para encontrarem a paz e um novo começo.

O repórter da euronews, James Franey, acompanha esta viagem onde se vive um misto de sentimentos: a vontade de conseguir uma vida melhor, o medo e a incerteza sobre o que vão encontrar no destino final. Ainda assim, a esperança é, talvez, a melhor palavra, para descrever o que sentem estes migrantes, mas também um pouco de ilusão:

Motasem: Queremos ir para a Alemanha porque penso que é um país que respeita os Direitos Humanos e é um lugar seguro. Acho que posso continuar lá os meus estudos.

Euronews: Estuda o quê?

Motasem: Engenharia mecânica aplicada à construção automóvel.

Euronews: É o melhor país, de facto, tem uma indústria automóvel forte.

Euronews: Sim, espero trabalhar para a BMW.

A próxima paragem destas pessoas é a cidade sérvia de Presevo, aqui esperam conseguir os documentos necessários para seguir viagem. Mas a caminhada está longe de estar terminada, como adianta o enviado da euronews:

“Depois de descerem do comboio os refugiados caminham cerca de 10 quilómetros até à Sérvia. Uma viagem em busca de uma vida melhor mas, ao mesmo tempo, a incerteza de serem bem recebidos na Europa.”