Última hora

Última hora

Goldman Sachs prevê petróleo a 20 dólares em 2016

O petróleo pode baixar a 20 dólares em 2016, segundo uma previsão dos analistas do banco de investimento Goldman Sachs. Face à expectativa que o

Em leitura:

Goldman Sachs prevê petróleo a 20 dólares em 2016

Tamanho do texto Aa Aa

O petróleo pode baixar a 20 dólares em 2016, segundo uma previsão dos analistas do banco de investimento Goldman Sachs.

Face à expectativa que o excesso de oferta mundial persista em 2016, o banco cortou as suas estimativas para a cotação do petróleo. O Goldman Sachs antecipa esta sexta-feira que, se a produção não baixar, é de esperar que os preços caiam para um mínimo de 20 dólares por barril.

Entretanto a Agência Internacional de Energia (AIE) estima que o abastecimento de petróleo fora da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) vai cair o máximo em mais de duas décadas, no próximo ano, face à pressão negativa dos preços sobre a produção de petróleo de xisto nos EUA. As estimativas da AIE apontam para quebras de produção na ordem dos 500 mil barris por dia, para 57,7 milhões, em 2016.

A procura por combustíveis em 2015 atinge os valores mais altos desde 2010, mas apesar de os inventários de petróleo estarem em níveis recorde, só vão começar a diminuir a partir do segundo semestre de 2016. Ao mesmo tempo, com o levantamento das sanções ao Irão, o governo de Teerão prepara-se para reforçar as exportações do ouro negro, contribuindo assim para aumentar ainda mais a oferta.