Última hora

Última hora

Steve Jobs: o mito e a realidade

Em leitura:

Steve Jobs: o mito e a realidade

Steve Jobs: o mito e a realidade
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de ter ganho um Óscar com um documentário sobre o Iraque, o realizador norte-americano Alex Gibney explora a vida e a carreira de Steve Jobs.

A Apple não ficou contente. Quando começámos o projeto, solicitámos a ajuda da empresa mas ela respondeu que não tinha os meios necessários para nos ajudar. Achei que era uma resposta curiosa da parte de uma empresa tão rica.

“Steve Jobs: The Man in the Machine” analisa os mitos em torno do cofundador da Apple.

“Ele é uma figura mítica do nosso imaginário. É uma personagem importante e é preciso conhecê-la bem. Ele fez coisas fantásticas mas fez também coisas menos boas. Devido ao sucesso que ele teve, as pessoas pensam que é preciso ir ainda mais longe. Eu espero que não. Penso que podemos tentar ultrapassá-lo em certas coisas mas não em demasia”, sublinhou o realizador.

O documentário inclui entrevistas com antigos funcionários da Apple e mostra que Steve Jobs pedia enormes sacrifícios às pessoas que trabalhavam com ele. A empresa norte-americana não aprova o filme.

“A Apple não ficou contente. Quando começámos o projeto, solicitámos a ajuda da empresa mas ela respondeu que não tinha os meios necessários para nos ajudar. Achei que era uma resposta curiosa da parte de uma empresa tão rica”, contou o realizador.

O documentário estreou em setembro nos Estados Unidos e pode ser alugado através da Internet.

Mais sobre cinema