Última hora

Última hora

Ahmed, o novo herói das redes sociais

O jovem muçulmano norte-americano fabricou um relógio e acabou algemado, por medo de uma bomba.

Em leitura:

Ahmed, o novo herói das redes sociais

Tamanho do texto Aa Aa

Chama-se Ahmed Mohamed e é um adolescente do Texas. Perfeito desconhecido há algumas horas, foi talvez a figura mais falada nas redes sociais esta quinta-feira. Tudo porque fabricou um relógio em casa, decidiu levá-lo para as aulas e acabou algemado. A direção da escola suspeitou que o engenho pudesse ser uma bomba e chamou a polícia.

As autoridades deram pelo erro e libertaram Ahmed: “O objeto era muito suspeito. Vivemos numa altura em que não podemos permitir que algo assim entre na escola. Vimos coisas horríveis acontecer no país e a prevenção tem de estar acima de tudo”, disse Larry Boyd, chefe da polícia da localidade de Irving.

Prevenção que, para muitos, tem um toque de racismo, já que o rapaz é muçulmano e de origem árabe.

A defesa de Ahmed espalhou-se pelas redes sociais, através do “hashtag” #IStandwithAhmed e contagiou figuras como o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, que o convidou a visitar a sede da empresa e disse que o futuro pertencia a pessoas como ele…

Ou o próprio presidente Barack Obama, que lançou também um convite a uma visita à Casa Branca. Disse, no Twitter, que ele é um exemplo para todos os jovens que se interessam pela ciência.