Última hora

Última hora

Altice vende Cabovisão e Oni e compra Cablevision por 15,6 mil milhões

Poucos dias depois de ter sido conhecida a venda pela Altice dos operadores portugueses Cabovisão e Oni à Apax France, a gigante europeia da

Em leitura:

Altice vende Cabovisão e Oni e compra Cablevision por 15,6 mil milhões

Tamanho do texto Aa Aa

Poucos dias depois de ter sido conhecida a venda pela Altice dos operadores portugueses Cabovisão e Oni à Apax France, a gigante europeia da comunicação detida pelo milionário francês Patrick Drahi anunciou a aquisição do 5.° maior operador de televisão por cabo dos Estados Unidos, a Cablevision.

O negócio foi fechado por 17,7 mil milhões de euros (cerca de 15,6 mil milhões de euros) e acontece meses depois de a Altice ter adquirido outro grande operador de televisão americano, a Suddenlink.

[ Comunicado oficial da Altice (PDF) sobre a compra da Cablevision ]

Para Brenda Kelly, analista do grupo London Capital, “qualquer forma de expansão nos Estados Unidos é boa para qualquer empresa”. “Este é um negócio de mais de 15 mil milhões de euros e, se permitir reforçar a expansão americana (da Altice), estará também a permitir um crescimento extra. (A Cablevision) é um operador de televisão por cabo do ‘top-Cinco’ e isto torna a Altice num dos maiores competidores do setor”, conclui a analista.

A junção da Cablevision à Suddenlink permite à Altice assumir-se como “o quarto maior operador de televisão por assinatura dos Estados Unidos”, lê-se no comunicado da empresa de Patrick Drahi, uma multinacional de fornecimento de serviços de telecomunicações com presença também em França, Israel, Bélgica, Luxemburgo, Suíça, Portugal, Antilhas e República Dominicana.

A operação está ainda dependente dos reguladores e, se aprovada, apenas deverá ser concluída no próximo ano. A Altice é o segundo maior operador de televisão paga em França, atrás da Orange, é a atual proprietária do PT Portugal e emprega mais de 30 mil pessoas. A aquisição da Portugal Telecom ou PT Portugal, em junho, obrigou a Altice, perante a Comissão Europeia, a desfazer-se da Cabovisão e da Oni — venda confirmada terça-feira à Apax France, por estimados 115 milhões de euros.