Última hora

Última hora

Rússia atinge alvos civis e não do EI, diz oposição síria

Na Síria, a Rússia garante que atingiu oito alvos do grupo Estado Islâmico, mas as organizações anti-Assad falam em 36 baixas civis,

Em leitura:

Rússia atinge alvos civis e não do EI, diz oposição síria

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia garante ter atacado alvos do grupo Estado Islâmico (EI), na Síria, mas as imagens do rescaldo dos bombardeios russos na província de Homs mostram outra realidade: Crianças civis feridas no hospital e casas destruídas.

Point of view

Todas as baixas são de civis, incluindo um grupo de defesa civil capacetes brancos e cinco crianças.

Os bombardeamentos atingiram uma área controlada pelos rebeldes que lutam contra o regime de Bashar el-Assad e terão morto pelo menos 36 civis.

Khaled Khoja, dirigente das forças de oposição a Assad, explica que os radicais já não estão nestas zonas: “Toda esta região já lutou contra o Estado Islâmico e derrotou-o, e a outros grupos de extremistas, há um ano. Infelizmente, todas as baixas são de civis, incluindo um grupo de defesa civil capacetes brancos e cinco crianças”.

A versão dos russos é muito diferente: O ministério da Defesa, em Moscovo, diz que foram atingidos oito alvos do grupo Estado Islâmico e um posto de comando da mesma organização.