Última hora

Última hora

Espiral de violência prossegue entre palestinianos e israelitas

A nova espiral de violência entre israelitas e palestinianos levou o primeiro-ministro de Israel a cancelar uma visita à Alemanha, agendada para esta quinta-feira.

Em leitura:

Espiral de violência prossegue entre palestinianos e israelitas

Tamanho do texto Aa Aa

A nova espiral de violência entre israelitas e palestinianos levou o primeiro-ministro de Israel a cancelar uma visita à Alemanha, agendada para esta quinta-feira. Benjamin Netanyahu apelou também aos compatriotas para estarem “em estado de alerta total” por causa dos ataques.

Nos confrontos em Ramallah, na Cisjordânia, Israel recorreu aos chamados “moustaaribine”, que literalmente significa: “aqueles que se disfarçam de árabes”. São agentes dos serviços de segurança de Israel que se infiltram no meio dos palestinianos. Chegam mesmo a atirar pedras antes de pegarem nas armas e começarem a prender os principais agitadores que vão conhecendo ao longo dos confrontos.

Num dos últimos ataques contra israelitas, um árabe esfaqueou um soldado num autocarro, roubou-lhe a arma e acabou por ser abatido pelas forças especiais num bloco residencial de Kiryat Gat, no sul de Israel, onde tinha procurado refúgio.