Última hora

Última hora

Japão: Governador de Okinawa revoga licença de construção de base militar americana

O governador de Okinawa e o executivo de Tóquio entraram em guerra aberta por causa da base americana de Futenma. Takeshi Onaga revogou a licença

Em leitura:

Japão: Governador de Okinawa revoga licença de construção de base militar americana

Tamanho do texto Aa Aa

O governador de Okinawa e o executivo de Tóquio entraram em guerra aberta por causa da base americana de Futenma. Takeshi Onaga revogou a licença dada pelo governo central autorizando a construção de novas instalações militares na baía de Henoko para desativar a base atual. Futenma estende-se por 480 hectares mas foi sendo rodeada por um centro urbano que conta agora 94 mil habitantes.

O gabinete de Shinzo Abe reagiu afirmando que “o anterior governador de Okinawa tomou uma decisão favorável que não padece de nenhum problema legal”.

Takeshi Onaga foi eleito em 2014 para chefiar os destinos da região sudoeste do país. Durante a campanha eleitoral prometeu impedir a construção da nova base americana, com o argumento de que se trata de uma ameaça para o meio ambiente. A longo prazo deseja acabar com a presença americana. Okinawa representa uma posição estratégica no Mar da China Oriental.