Última hora

Última hora

Hollande homenageia vítimas do acidente de Puisseguin

O presidente francês reuniu-se com os familiares das vítimas e com as forças de segurança.

Em leitura:

Hollande homenageia vítimas do acidente de Puisseguin

Tamanho do texto Aa Aa

Foi o maior acidente rodoviário em França em mais de 30 anos.

Point of view

É o país inteiro, a França, que represento hoje junto de vós, que está abalado com esta catástrofe, porque é algo que pode acontecer a qualquer um de nós.

O presidente François Hollande esteve presente na homenagem às 43 vítimas da colisão entre um autocarro e um camião, perto de Bordéus, na sexta-feira.

Hollande reuniu-se com as famílias das vítimas, cerca de 160 pessoas, na câmara ardente montada no salão municipal de Puisseguin. Os mortos no acidente eram, na maioria, idosos que partiam em excursão. O motorista do camião e o filho de 3 anos morreram também no acidente.

“Ninguém está preparado para uma prova como esta. Por isso, temos um dever de solidariedade para convosco. É o país inteiro, a França, que represento hoje junto de vós, que está abalado com esta catástrofe, porque é algo que pode acontecer a qualquer um de nós”.

Hollande esteve depois reunido com os elementos da polícia, dos bombeiros e dos socorristas, que lhe explicaram as circunstâncias do acidente e os avanços na investigação. Finalmente, a grande homenagem aconteceu no estádio de futebol da vila, perante uma grande parte dos habitantes de Puisseguin e das aldeias vizinhas.