Última hora

Última hora

Refugiados: Caos na fronteira entre a Eslovénia e a Áustria

O caos instalou-se esta noite na fronteira entre a Eslovénia e a Áustria, com centenas de migrantes a tentarem ultrapassar a barreira que separa os

Em leitura:

Refugiados: Caos na fronteira entre a Eslovénia e a Áustria

Tamanho do texto Aa Aa

O caos instalou-se esta noite na fronteira entre a Eslovénia e a Áustria, com centenas de migrantes a tentarem ultrapassar a barreira que separa os postos fronteiriços de Sentilj e Spielfeld.

As autoridades dos dois países quase se viram impotentes para travar a multidão e mesmo proteger quem estava em dificuldades.

Um polícia austríaco terá ficado ferido, vítima de uma agressão.

Já com Viena a anunciar a construção de uma vedação ao longo da fronteira para controlar melhor o afluxo de migrantes, em Atenas o ministro alemão dos Negócios Estrangeiros, Frank-Walter Steinmeier, voltou a defender uma distribuição justa dos migrantes na Europa.

O homólogo grego, Nikos Kotzias, sublinhou a ideia de que é preciso impedir chegada de migrantes antes de eles se fazerem ao mar na Turquia, uma opção já defendida pelo presidente húngaro, Victor Orban.

As tragédias sucedem-se. Ao largo da ilha de Lesbos, o naufrágio de uma embarcação de madeira, apinhada de pessoas, fez pelo menos 10 mortos.

A guarda costeira da Grécia resgatou mais de 240 migrantes, mas dezenas ainda estão dados como desaparecidos.