Última hora

Última hora

Quatro judocas portugueses eliminados no Grande Prémio de Abu Dabi

No Grande Prémio de Abu Dabi, este sábado decorreram 4 finais. Na categoria feminina de -63 kg, a judoca francesa Clarisse Agbegnenou só precisou de

Em leitura:

Quatro judocas portugueses eliminados no Grande Prémio de Abu Dabi

Tamanho do texto Aa Aa

No Grande Prémio de Abu Dabi, este sábado decorreram 4 finais. Na categoria feminina de -63 kg, a judoca francesa Clarisse Agbegnenou só precisou de um minuto e um segundo para derrotar a alemã Martyna Trajdos por ippon.

Mais renhida foi a final da categoria de -70kg, entre alemã Laura Vargas Koch e holandesa Kim Polling.
Koch até começou da melhor, com um yoko, com ko-uchi-gate.
Mas Kim Polling acabou por vencer com dois yukos.

No setor masculino, em -73kg, Changrim An arrecadou a terceira medalha de ouro para a Coreia do Sul neste torneio: derrotou o alemão Igor Wandtke por ippon. O sul coreano venceu quatro dos cinco combates desta forma.

Na última final, -81 kg, Ivaylo Ivanov conquistou o ouro e tornou-se no primeiro judoca búlgaro a conquistar um Grande Prémio. Ivaylo derrotou o atleta da casa, mas de origem moldava, Sergiu Toma.

Os quatro judocas portugueses em ação este sábado no Grand Slam de Abu Dhabi foram eliminados. Os atletas nacionais procuram subir na classificação mundial com vista ao apuramento para os Jogos Olímpicos do Rio2016, mas desta vez não somaram pontos significativos, ao ficarem muito longe dos quartos de final.

Nuno Saraiva, nos -73 kg, foi afastado logo ao primeiro combate, frente a um adversário menos cotado no ‘ranking’, enquanto na mesma categoria André Alves ainda venceu na estreia, mas perdeu de seguida com o judoca da casa, Victor Scvortov (por ‘ippon’).

No peso de -81 kg, Carlos Luz (44.º do mundo) também começou a vencer, mas perdeu com o brasileiro Victor Penalber (6.º), um pouco à semelhança de Diogo Lima, que apesar de vencer os dois primeiros duelos, perdeu com um favorito.

Lima, 50.º do mundo, superou os primeiros combates por ‘ippon’, mas não resistiu ao canadiano Antoine Fortier-Valois, terceiro no ‘ranking’ mundial e que viria a perder já na fase de repescagem.

No domingo competem as categorias mais pesadas, nas quais se encontra a portuguesa Yahima Ramirez, nos -78 kg.