Última hora

Última hora

Roménia: quarta noite consecutiva de manifestações

Romenos querem uma verdadeira mudança política - e não apenas uma remodelação cosmética da classe governativa

Em leitura:

Roménia: quarta noite consecutiva de manifestações

Tamanho do texto Aa Aa

Pela quarta noite consecutiva, e apesar da demissão do primeiro-ministro Victor Ponta, e da nomeação de um chefe de governo interino, os romenos continuam nas ruas das principais cidades do país.

Point of view

Não queremos as mesmas mentiras. E não vamos deixar-nos enganar com uma ou duas demissões - manifestante

Querem uma verdadeira mudança política – e não apenas uma remodelação cosmética da classe governativa – e protestam contra a corrupção.

“Estamos aqui para mostrar que não queremos que as coisas continuem na mesma, com uns políticos a saírem mas depois tudo volta ao mesmo. Não queremos as mesmas mentiras. E não vamos deixar-nos enganar com uma ou duas demissões”, diz um manifestante.

Outro acrescenta: “O problema é que a praça, a rua, não pode ser representada apenas por algumas pessoas. O presidente Iohannis e outros políticos têm de vir aqui, à praça, falar com o povo.”

Embora o presidente não tenha ido à Praça da Universidade, cumpriu, contudo, o prometido, na véspera, e recebeu, pela primeira vez, representantes da sociedade civil.

Vinte pessoas, escolhidas entre mais de cinco mil, foram recebidas no Palácio Cotroceni, onde começaram as negociações para a formação de um novo governo.