Última hora

Última hora

Eslovénia ergue "barreira técnica" na fronteira com Croácia

O exército esloveno começou hoje a instalar barreiras de arame farpado na fronteira do país com a Croácia. A medida, anunciada ontem pelo governo

Em leitura:

Eslovénia ergue "barreira técnica" na fronteira com Croácia

Tamanho do texto Aa Aa

O exército esloveno começou hoje a instalar barreiras de arame farpado na fronteira do país com a Croácia.

A medida, anunciada ontem pelo governo, visa controlar o fluxo de migrantes que atravessa o país desde Outubro, com destino à Áustria e à Alemanha.

O executivo do primeiro-ministro Miro Cerar afasta para já a possibilidade de um encerramento total das fronteiras, como no caso da Húngria.

“Este afluxo de refugiados pode ameaçar a segurança na Eslovénia e como primeiro-ministro não posso permitir o risco de uma catástrofe humanitária no nosso território. A vedação vai permitir evitar o fluxo descontrolado de migrantes, dirigindo-os para passagens fronteiriças onde podem ser controlados de forma mais eficaz”.

A Eslovénia afirma ter já recebido mais de 180 mil refugiados nas últimas semanas, quando mais de 6 mil pessoas cruzaram ontem a fronteira do país com a Áustria.

Cerca de 175 polícias de vários países europeus reforçaram nos últimos dias os controlos fronteiriços no país, quando mais 100 agentes são esperados nos próximos dias.

O executivo esloveno denuncia, no entanto, que os acordos migratórios alcançados em Bruxelas, continuam a não ser cumpridos, apesar de uma diminuição do afluxo de refugiados nos últimos dias.