Última hora

Última hora

Atentados de Paris só devem ter um impacto de curto prazo no turismo em França

Em leitura:

Atentados de Paris só devem ter um impacto de curto prazo no turismo em França

Tamanho do texto Aa Aa

Por causa dos atentados terroristas de sexta-feira, o número de passageiros a viajar de avião de e para Paris caiu nos últimos dias, tal como o número de não-comparências (“no-show”) no embarque, afirmou a diretora executiva da easyJet. No entanto, Carolyn McCall acredita que a situação é temporária e que o volume de passageiros regressará “rapidamente” aos valores normais.

A opinião é partilhada pela maior parte dos especialistas em turismo.

Nos Estados Unidos, os turistas estão preocupados e as seguradoras estão a ser inundadas de perguntas dos clientes sobre a possibilidade de cancelarem a viagem e serem indemnizados.

A diretora de projetos da seguradora Squaremouth, Megan Singh, explica que a empresa assistiu “a um aumento na preocupação e um aumento no número de chamadas e de questões, porque Paris é um destino turístico muito popular. Estamos a contar que o sucedido terá um impacto maior na nossa indústria e nos seguros de viagem em geral, por causa da popularidade da cidade”, afirmou.

No ano passado, a França foi o país mais visitado do mundo. Cerca de 83,7 milhões de turistas passaram por terras gaulesas, segundo os dados da Organização Mundial do Turismo.