Última hora

Última hora

Ataques de Paris "atingem" a economia francesa no "ricochete"

Uma das mais bonitas cidades do Mundo, Paris, foi alvo de uma série de ataques coordenados em vários locais públicos. O que devia ter sido um fim de

Em leitura:

Ataques de Paris "atingem" a economia francesa no "ricochete"

Tamanho do texto Aa Aa

Uma das mais bonitas cidades do Mundo, Paris, foi alvo de uma série de ataques coordenados em vários locais públicos.

O que devia ter sido um fim de semana animado a caminho do Natal tornou-se um “Estado de Emergência” a nível nacional com 3 dias de luto em vez de um fim de semana para começar a comprar prendas ou simplesmente de turismo na “Cidade Luz.”

Falámos com James Franey, um dos correspondentes da euronews que esteve a acompanhar mais de perto todos os desenvolvimentos em torno dos atentados de Paris. Ele falou-nos do impacto dos ataques no comércio da capital francesa.

(“Em resultado do sucedido, a cerimónia de iléuminação dos Campos Elísios prevista para esta noite foi anulada.”)

Analisamos ainda à forma como o mercado hoteleiro tem vindo a tornar-se mais resiliente face ao impacto de atos terroristas desde o “11 de setembro” em Nova Iorque, há 15 anos.

Os trágicos acontecimentos da última sexta-feira, 13 de novembro, reavivaram as preocupações sobre as comunicações encriptadas usadas por células terroristas. As plataformas digitais, por seu lado, fizeram de tudo para estar à altura dos acontecimentos.

Na nossa rubrica “IT”, focamo-nos nas ferramentas implementadas para ajudar as pessoas que ficaram à deriva nas ruas da capital francesa por causa dos ataques.