Última hora

Última hora

Alemanha compromete-se a apoiar França na luta contra EI

François Hollande pediu, em Paris, ajuda a Angela Merkel, no combate contra o grupo estado islâmico. A chanceler alemã respondeu positivamente mas

Em leitura:

Alemanha compromete-se a apoiar França na luta contra EI

Tamanho do texto Aa Aa

François Hollande pediu, em Paris, ajuda a Angela Merkel, no combate contra o grupo estado islâmico. A chanceler alemã respondeu positivamente mas sem um envolvimento, no terreno, dos germânicos.

Hollande e Merkel, em Paris, na homenagem às vítimas dos atentados

O governo alemão decidiu enviar aviões de reconhecimento Tornado e de abastecimento e um navio de guerra que, segundo a ministra da defesa alemã, ajudará a proteger o porta-aviões francês ‘Charles de Gaulle’.

A ministra da defesa alemã, Ursula von der Leyen

“França pediu a nossa ajuda e hoje conversámos sobre como poderíamos responder a este pedido de ajuda. Podemos fornecer ajuda em três áreas: proteção, clarificação e logística”, explicou Ursula von der Leyen.

A Alemanha concordou também em apoiar os gauleses com satélites de vigilância.

A participação alemã na coligação internacional contra os jihadistas do grupo estado islâmico tem de ser aprovada pela câmara baixa do Parlamento alemão, onde a CDU de Merkel tem maioria.

Até aqui o papel da Alemanha neste conflito limitava-se ao treino e fornecimento de armas às forças curdas peshmerga, no Iraque.