Última hora

Última hora

Cameron pede ao Parlamento a extensão da campanha militar à Síra

No Parlamento britânico, David Cameron usa argumentos de peso para obter dos parlamentares uma resposta positiva à extensão da campanha militar à

Em leitura:

Cameron pede ao Parlamento a extensão da campanha militar à Síra

Tamanho do texto Aa Aa

No Parlamento britânico, David Cameron usa argumentos de peso para obter dos parlamentares uma resposta positiva à extensão da campanha militar à Síra.

Point of view

<h3> Nos últimos 12 meses, a nossa polícia e serviços de segurança conseguiram impedir pelo menos sete planos terroristas para atacar o Reino Unido. </h3>

Esta proposta tinha sido enviada à Comissão Parlamentar dos Assuntos Externos no início de novembro, mas foi rejeitada. Os atentados Paris obrigam a uma reavaliação da situação. O Reino Unido receia poder ser a próxima vítima.

“Nos últimos 12 meses, a nossa polícia e serviços de segurança conseguiram impedir pelo menos sete planos terroristas para atacar o Reino Unido. Cada um desses projectos está ligado a ISIL ou inspirado pela sua propaganda. Não tenho nenhuma dúvida de que é do nosso interesse nacional agir para que possamos detê-los. E detê-los significa agir na Síria “.

Vários deputados trabalhistas indicaram a intenção de votar a favor de ataques coordenados na Síria, como já acontece no Iraque, apesar da oposição do líder Jeremy Corbyn.

Cameron diz que a extensão dos ataques é apenas parte de um plano mais vasto que visa erradicar o Estado Islâmico do território ocupado no Iraque e Síria mas também pôr fim à guerra civil neste país.
A votação deverá ocorrer na próxima semana Câmara Alta do Parlamento britânico.