Última hora

Última hora

Clima: Centenas de interpelações em Paris

Nos quatro cantos do planeta, incluindo em Lisboa e no Rio de Janeiro, o mundo assistiu a manifestações em nome de uma ação firme para travar o

Em leitura:

Clima: Centenas de interpelações em Paris

Tamanho do texto Aa Aa

Nos quatro cantos do planeta, incluindo em Lisboa e no Rio de Janeiro, o mundo assistiu a manifestações em nome de uma ação firme para travar o aquecimento global.

Protesto mais forte foi mesmo na cidade anfitriã da cimeira sobre o clima, Paris.

A polícia não teve mãos a medir e interpelou quase 300 pessoas na sequência de confrontos de manifestantes com as autoridades, depois de uma corrente humana pacífica.

Das 289 interpelações, resultaram 174 detenções.

A violência indignou o presidente François Hollande que qualificou os distúrbios de “ação escandalosa de elementos perturbadores que nada têm a ver com defensores do ambiente”.

Londres, foi também palco de um protesto, mas pacífico onde participaram várias personalidades como Emma Thompson ou Peter Gabriel.

“Há 20 anos também tínhamos marcha a favor do clima, mas era sempre visto como algo marginal, mas agora tornou na questão do séc. XXI”, explicou Emma Thompson.

“Estou aqui porque agora sou avô e acho mesmo que é uma ameaça séria para a vida futuro dos meus miúdos, revela Peter Gabriel.

O evento está rodeado de fortes medidas de segurança. 2800 agentes estão encarregados de vigiar o recinto de Bourget, em toda a cidade estão mobilizados 6300 polícias e militares.

A abertura oficial da conferência está marcada para as 10 da manhã, menos uma hora em Lisboa.