Última hora

Em leitura:

COP21: "Semana da esperança" para o clima


França

COP21: "Semana da esperança" para o clima

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Maçãs para adoçar a boca dos líderes mundiais e assim alcançarem um acordo sobre o clima.

Nesta segunda-feira de reuniões, que decorrem ao nível ministerial, um departamento francês ofereceu a cada um dos 195 países presentes na reunião uma maçã com o logótipo da COP21.

O anfitrião, o ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Laurent Fabius, é claro: “Esta manhã abre-se, para a COP21, a semana da esperança. O objetivo e a exigência são claros: precisamos de um acordo universal sobre o clima.”

O próprio chefe da Diplomacia norte-americana, John Kerry, marcou presença, em Paris, onde os ministros do mundo inteiro devem finalizar, até ao final da semana, um acordo que permita limitar o aquecimento global a 2.° centígrados, face aos valores da era pré-industrial.

Ban Ki-moon, o secretário-geral das Nações Unidas, dirige-se aos dirigentes mundiais e quem frisa o papel estruturante de uma decisão tomada na capital francesa: “As decisões que tomarem, aqui, em Paris, vão ter repercussões durante séculos. O mundo está de olhos postos em vós.”

O ator Arnold Schwarzenegger, também marcou presença. O ex-governador da Califórnia veio apoiar um acordo sobre o clima, defendendo que uma energia limpa é possível.

Na chegada à conferência, os participantes foram confrontados a uma escolha simbólica: tapete verde para limitar as emissões de gases com efeito de estufa ou tapete vermelho para o desastre climático.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Roma: Segurança reforçada para o Jubileu