Última hora

Última hora

França: Desemprego penaliza governo socialista

A situação económica de França é apontada como uma das razões do resultado da Frente Nacional nas eleições regionais. Apesar de não ganhar nenhuma

Em leitura:

França: Desemprego penaliza governo socialista

Tamanho do texto Aa Aa

A situação económica de França é apontada como uma das razões do resultado da Frente Nacional nas eleições regionais. Apesar de não ganhar nenhuma região o partido de extrema-direita obteve 6,8 milhões de votos. O governo socialista prepara-se para agir rapidamente. O executivo de Manuel Valls vai apresentar em breve um pacote de medidas para lutar contra o desemprego.

Nas previsões de outono da Comissão Europeia, em 2016 a França vai ter um crescimento económico de 1,4%, um défice de 3,4% do PIB e uma taxa de desemprego de 10,4%. As perspetivas não são as melhores uma vez que no terceiro trimestre de 2015 país registou uma taxa de desemprego de 10,2%, o que não acontecia desde 1997. Numa sondagem feita após a primeira volta das regionais, o desemprego surgia como a primeira preocupação dos eleitores. O governo tem pouco tempo para inverter a tendência. A corrida presidencial de 2017 vai resolver-se no terreno económico e no plano do emprego.