Última hora

Última hora

Chipre: Gregos e turcos desejam reunificação da ilha em 2016

Histórico: pela primeira vez, o líder cipriota grego e o homólogo turco surgiram lado a lado na televisão para os tradicionais votos de boas festas às comunidades da ilha dividida há mais de quatro dé

Em leitura:

Chipre: Gregos e turcos desejam reunificação da ilha em 2016

Tamanho do texto Aa Aa

Um aperto de mão histórico: pela primeira vez, o líder cipriota grego e o homólogo turco surgiram lado a lado na televisão para a tradicional mensagem de boas festas às comunidades da ilha dividida.

Num gesto de cortesia, carregado de simbolismo, o responsável turco dirigiu-se aos cipriotas em grego:

“Desejo que o ano novo traga a paz definitiva, a calma e a prosperidade a todos os cipriotas. Feliz Natal e votos de festas felizes”, afirmou Mustafa Akinci.

O homólogo grego retribuiu a delicadeza e falou em turco:

“Espero que o ano novo permita que cipriotas gregos e cipriotas turcos possam viver em paz no nosso país reunificado. Feliz ano novo”, desejou Nicos Anastasiades, que teve alguma dificuldade em exprimir-se numa língua diferente da sua, tal como aconteceu com líder cipriota turco.

As negociações de paz foram retomadas em maio sob égide das Nações Unidas. Ainda no fim de semana passado, os dirigentes das duas comunidades estiveram reunidos e estão já marcados três encontros para o mês de janeiro. Ambas as partes já expressaram o desejo de consumar a reunificação em 2016.

A ilha está dividida há mais de quatro décadas, desde 1974, quando a Turquia invadiu e ocupou a parte norte de Chipre em resposta a um golpe de Estado nacionalista de cipriotas gregos ao final de mais de uma década de violência entre as comunidades.