Última hora

Última hora

Dubai: Hotel de luxo consumido pelas chamas

Às últimas horas de 2015, um incêndio de grandes proporções atingiu o quadragésimo sexto andar de um arranha-céus no centro de Dubai, nos Emirados

Em leitura:

Dubai: Hotel de luxo consumido pelas chamas

Tamanho do texto Aa Aa

Às últimas horas de 2015, um incêndio de grandes proporções atingiu o quadragésimo sexto andar de um arranha-céus no centro de Dubai, nos Emirados Árabes,perto do prédio mais alto do mundo, o Burj Khalifa.

As chamas eram já visíveis do exterior do edifício de 300 metros, conhecido como The Address (“o endereço”), quando os bombeiros chegaram ao local.

Ao telefone para a Euronews esta testemunha conta: “Ainda não temos nenhuma informação sobre onde vamos dormir esta noite, o que aconteceu com os nossos pertences. O que temos que fazer agora? Não está claro onde devemos pedir mais informações não nos dizem nada! Estamos todos em estado de choque mas tentando manter a calma.”

As chamas que começaram no vigésimo andar chegaram a cobrir a maior parte do prédio que tem 63 pisos.

Este turista explica: “Quando soubemos do fogo fugimos, pois com tudo o que se passa nunca se sabe. Confiamos nas autoridades para lidarem com isto”.

Oficialmente 14 pessoas ficaram feridas e haverá um morto de acordo com a imprensa local, ainda não confirmado pelas autoridades.

As chamas foram controladas horas mais tarde e o acidente não perturbou as festividades do ano novo. Mais de dois milhões de pessoas puderam assistir ao fogo-de-artifício que deu as boas vindas a 2016.