This content is not available in your region

França: homenagem lembra vítimas no primeiro aniversário do ataque ao Charlie Hebro

Access to the comments Comentários
De  Rodrigo Barbosa  com AFP
França: homenagem lembra vítimas no primeiro aniversário do ataque ao Charlie Hebro

<p>A Praça da República, em pleno centro de Paris, foi palco de uma homenagem e vigília para lembrar as 12 vítimas do ataque terrorista contra o jornal satírico francês Charlie Hebdo, há exatamente um ano.</p> <p>Um primeiro aniversário, assinalado menos de dois meses depois de uma nova série de atentados que fizeram 130 mortos na capital francesa.</p> <p>O humorista Christophe Alévêque defendeu que “a liberdade conquistada depois de tantas batalhas, não deve ser sacrificada devido à ameaça terrorista em nome da segurança: o estado de emergência, medidas de segurança, revogação da cidadania… É preciso estar atento”.</p> <p>Uma estudante afirma que “não há razão para o que aconteceu e é importante dizê-lo e continuar a ler o Charlie Hebdo, ir aos concertos no Bataclan, quando reabrir, e ir tomar uma bebida na esplanada de um bar”.</p> <p>A ameaça terrorista voltou a pairar no aniversário, com o ataque falhado de um homem armado com uma faca e uma falsa cintura de explosivos contra uma esquadra de polícia de Paris, que terminou com a morte do indivíduo, que invocou a ação em nome do grupo extremista Estado Islâmico.</p>