Última hora

Última hora

Líbia: mais de 56 mortos em dois atentados suicidas

Dois atentados suicidas na Líbia fizeram esta quinta-feira mais de 56 mortos, sublinhando da pior forma a instabilidade que reina no país. Um posto

Em leitura:

Líbia: mais de 56 mortos em dois atentados suicidas

Tamanho do texto Aa Aa

Dois atentados suicidas na Líbia fizeram esta quinta-feira mais de 56 mortos, sublinhando da pior forma a instabilidade que reina no país.

Um posto de controlo junto à entrada do centro petrolífero de Ras Lanouf, a leste, foi visado ao fim do dia por um ataque bombista, que fez seis mortos, incluíndo um bebé, e oito feridos. A ação não foi reivindicada, mas os extremistas do Estado Islâmico tinham efetuado na segunda-feira vários ataques contra instalações petrolíferas, nomeadamente em Ras Lanouf.

Algumas horas antes, outro atentado suicida, cometido com um camião-cisterna, visou um centro de formação da polícia em Zliten, no oeste do país. Com mais de 50 vítimas mortais, é o pior na Líbia desde 2011.

Saleh Smaw, vice-ministro do autoproclamado governo islamista de Tripoli condenou o que chamou de “um ato cobarde, que apenas resulta numa maior determinação para punir os que pensam em pôr em risco a segurança do país e da população”.

Os “jihadistas” aproveitam o caos reinante para se implantarem na Líbia, enquanto o poder é disputado por dois governos, um a leste reconhecido pela comunidade internacional e o outro em Tripoli.