Última hora

Última hora

Suíça já confisca bens aos refugiados

A confiscação de bens aos refugiados, prevista na polémica reforma das leis de imigração e asilo que a Dinamarca se prepara para votar já é uma

Em leitura:

Suíça já confisca bens aos refugiados

Tamanho do texto Aa Aa

A confiscação de bens aos refugiados, prevista na polémica reforma das leis de imigração e asilo que a Dinamarca se prepara para votar já é uma prática corrente na Suíça.

De acordo com a imprensa nacional, os refugiados que entrem no país têm de entregar às autoridades todos os bens de valor superior a 1000 francos, pouco mais de 900 euros. Uma prática corrente há vários anos. Para rever esse dinheiro ou bens, a pessoa em causa deve abandonar a Suíça no espaço de sete meses, caso contrário, a verba é deduzida nas despesas associadas ao pedidos de asilo e de assistência social.

Em 2015, a Suíça recebeu cerca de 40 mil pedidos de asilo. Um número que deve aumentar este ano.