Última hora

Última hora

Dakar: A consagração de Price e do inevitável Peterhansel, Mário Patrão vence classe maratona

É impossível falar do Dakar sem falar de Stéphane Peterhansel e aos 50 anos de idade o francês continua a fazer história na mítica prova de rali

Em leitura:

Dakar: A consagração de Price e do inevitável Peterhansel, Mário Patrão vence classe maratona

Tamanho do texto Aa Aa

É impossível falar do Dakar sem falar de Stéphane Peterhansel e aos 50 anos de idade o francês continua a fazer história na mítica prova de rali raid. Peterhansel chegou a Rosário com mais de meia hora de vantagem sobre Nasser Al-Attiyah e garantiu a 12ª vitória no Dakar, seis nas motos e agora também seis nos automóveis.

Quando Peterhansel se estreou no Dakar, em 1988, Toby Price tinha apenas um ano. O australiano, no entanto, também deixou a sua marca na competição ao suceder a Marc Coma na lista de vencedores nas duas rodas.

Hélder Rodrigues foi o melhor português, na quinta posição. Mário Patrão terminou em 13ª e venceu na classe maratona.

� este o rosto da vit�ria. � este o olhar dos meus objetivos. � este o sorriso de miss�o cumprida. � esta a express�o do meu orgulho. OBRIGADO A TODOS!#estamosjuntos #Dakar2016

Posted by Mário Patrão on�Saturday, 16 January 2016