Última hora

Última hora

Violência no sul da Turquia ceifa a vida a 2 adolescentes

Pelo menos dois adolescentes morreram, em Cizre, no sudeste da Turquia, na sequência dos confrontos entre forças de segurança turcas e alegados

Em leitura:

Violência no sul da Turquia ceifa a vida a 2 adolescentes

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos dois adolescentes morreram, em Cizre, no sudeste da Turquia, na sequência dos confrontos entre forças de segurança turcas e alegados membros do grupo terrorista curdo PKK.

Próxima da Síria, Cizre está sob recolher obrigatório há mais de um mês e os confrontos armados sucedem-se. Um dos mais violentos aconteceu no sábado. Os dois adolescentes, irmãos, Yusuf Akalin de 12 anos e Büşra Akalaın de 10, foram atingidos por explosões diante da respetiva casa, no bairro de Dağkapı. A irmã Dilan Akalin, de 8 anos, ficou ferida.

Em Diyarbakir, a maior cidade do sul da Turquia, um polícia e um soldado turcos foram mortos por atiradores furtivos e dois militantes curdos foram também mortos a tiro noutros incidentes separados, revelaram, entretanto, fontes das forças de segurança turcas.

Ao todo, o jornal turco Hurriyet Daily News estabelece um balanço de 18 mortos, em resultado dos confrontos, desde a última quinta-feira: três oficiais, três civis e 12 militantes do PKK (twitter em cima).

A violência voltou em força ao sul da Turquia no verão passado após dois anos e meio de cessar-fogo. O conflito entre as forças de segurança do governo turco e o grupo curdo PKK dura há mais de três décadas e já terá feito mais de 40.000 mortos.