Última hora

Última hora

Economia russa recua 3,7% em 2015

A economia da Rússia recuou 3,7% em 2015, registando a maior contração desde 2009, segundo dados preliminares da evolução do Produto Interno Bruto

Em leitura:

Economia russa recua 3,7% em 2015

Tamanho do texto Aa Aa

A economia da Rússia recuou 3,7% em 2015, registando a maior contração desde 2009, segundo dados preliminares da evolução do Produto Interno Bruto, divulgados pelo Serviço Federal de Estatísticas.

A pesar na economia russa, a queda acentuada do preço do petróleo, nos mercados internacionais, e as sanções económicas impostas pelo Ocidente, devido à intervenção da Rússia no conflito da Ucrânia.

De acordo com a diretora do Roosstat, Irina Lobanova, “os hábitos dos consumidores vão mudar. No geral, o mercado consumidor vai cair, por causa do fraco poder de compra dos consumidores com rendimentos mais baixos.’‘

Nas ruas, os russos tentam fazer face à crise. A palavra de ordem é poupar.

“Tenho de economizar dinheiro, de evitar comprar coisas caras. Tenho de comprar coisas baratas e menos comida”, afirma um moscovita.

O governo russo prevê que a recessão, que já dura há mais de um ano e meio, se mantenha em 2016 uma vez que se estima que o preço do barril de Brent se mantenha abaixo dos 50 dólares.

Para este russo, “as pessoas estão a tentar economizar dinheiro, pois não sabem o que o futuro reserva. Portanto, há menos clientes, compram menos, poupam dinheiro.”

De acordo com fontes governamentais, citadas pela Reuters, o executivo de Vladimir Putin, pretende injetar 135 mil milhões de rublos, o equivalente a mil quinhentos e dezanove milhões de euros, na economia do país.