Última hora

Última hora

Irlanda alerta Cameron para os riscos do "Brexit"

A Irlanda teme as consequências negativas de uma eventual saída do Reino Unido da União Europeia. O primeiro-ministro irlandês deslocou-se a Londres

Em leitura:

Irlanda alerta Cameron para os riscos do "Brexit"

Tamanho do texto Aa Aa

A Irlanda teme as consequências negativas de uma eventual saída do Reino Unido da União Europeia. O primeiro-ministro irlandês deslocou-se a Londres para partilhar a inquietação com David Cameron.

Enda Kenny mostrou-se preocupado não só pela economia irlandesa, fortemente dependente do mercado europeu, como também pela eventual reação dos independentistas na Irlanda do Norte e o futuro do processo de paz no território.

“A Europa será muito mais forte com o Reino Unido como membro central e fundamental. É um tema vital para a Europa, mas também para o Reino Unido e igualmente para a Irlanda”, afirmou Kenny.

David Cameron recordou, por seu lado, o argumento que deverá levar ao próximo Conselho Europeu.

“Eu penso que devemos focar-nos nesta oportunidade positiva para o Reino Unido. Imaginem o benefício de uma situação em que continuássemos a ser membros de um mercado único com 500 milhões de consumidores, um quarto da economia mundial, com um lugar à mesa e uma palavra a dizer”.

Bruxelas deverá apresentar uma proposta para evitar o chamado “Brexit”, durante o Conselho Europeu dos próximos dias 17 e 18, quando Cameron prometeu convocar um referendo à permanência do país na UE até ao final do próximo ano.