Última hora

Última hora

Rússia recusa receber de volta refugiados da Noruega

A Rússia não aceita receber de volta os mais de 5400 migrantes que atravessaram a fronteira com a Noruega e que Oslo pretende deportar. Nem mesmo os

Em leitura:

Rússia recusa receber de volta refugiados da Noruega

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia não aceita receber de volta os mais de 5400 migrantes que atravessaram a fronteira com a Noruega e que Oslo pretende deportar. Nem mesmo os que têm visto válido.

A confirmação foi dada pelo ministro russo dos Negócios Estrangeiros, Serguei Lavrov, que justificou a recusa com o facto de os migrantes terem mentido quando pediram os vistos.

“A discussão é sobre pessoas que chegaram à Rússia para trabalhar ou visitar familiares. Não declararam a verdadeira natureza da entrada, a caminho da Noruega. Significa que deram falsos dados para visitar a Federação Rússia”, declarou.

O governo norueguês, conservador, endureceu as regras de asilo e pretende devolver os migrantes que atravessaram a fronteira do Ártico com a Rússia.

Oslo afirma que a Rússia é um país seguro.

Entretanto, os migrantes aguardam para saber qual vai ser o destino, já que ninguém os quer.

Abdul Rahim, é afegão. “Difícil. A espera é muito difícil. Se esperamos e sabemos o que nos vais acontecer, tudo bem. Mas quando desconhecemos o que se vai passar, então aí é muito difícil”, explica.

Os noruegueses apenas conseguiram reenviar de volta 13 migrantes por autocarro.

No total, cerca de 31 mil migrantes chegaram à Noruega no ano passado, através de todas as fronteiras.