This content is not available in your region

Manifestações seguem-se a noite violenta em Estocolmo

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira  com AFP
Manifestações seguem-se a noite violenta em Estocolmo

<p>Em Estocolmo, duas manifestações, uma contra os migrantes e outra contra a extrema-direita, saíram às ruas.</p> <p>Numa zona central da capital sueca, cerca de 200 pessoas juntaram-se para pedir a aceleração do processo de expulsão de migrantes e a demissão do primeiro-ministro Stefan Löfven.</p> <p>O protesto foi recebido por uma contramanifestação para defender o acolhimento de refugiados. Não houve incidentes. A polícia conseguiu evitar que os dois grupos se enfrentassem.</p> <p>Uma calma a contrastar com a violência da noite de sexta para sábado, em que várias dezenas de homens encapuçados semearam o terror junto de grupos de imigrantes,</p> <p><a href="http://www.leprogres.fr/faits-divers/2016/01/30/50-a-100-hommes-masques-menent-un-violent-raid-anti-migrants">Entre 50 a 100 homens dirigiram-se à Sergels Torg</a>, uma praça central de Estocolmo onde se juntam grupos de estrangeiros e agrediram várias pessoas, sobretudo menores não acompanhados.</p> <p>As forças da ordem várias detenções, incluindo de um homem que esmurrou um polícia.</p> <p><strong>Vídeo publicado pelo jornal Aftonbladet:</strong> <iframe width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen src="http://tv.aftonbladet.se/abtv/articles/107697?service=embedded&autoplay=false"></iframe></p>