This content is not available in your region

Taiwan: Arranque da 1.ª legislatura com maioria absoluta dos independentistas

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com reuters, efe, lusa, economist, l'obs
Taiwan: Arranque da 1.ª legislatura com maioria absoluta dos independentistas

<p>Pela primeira vez desde 1949, o Parlamento de Taiwan não é controlado pelos nacionalistas do Partido Kuomintang (<span class="caps">KMT</span>). As eleições de 16 de janeiro deram a maioria absoluta aos independentistas do Partido Democrata Progressista (<span class="caps">PDP</span>), colocando um ponto final em mais de 60 anos de controlo legislativo por parte do <span class="caps">KMT</span>, um partido mais alinhado com Pequim.</p> <p>Esta segunda-feira, tomaram posse o novo primeiro-ministro, Simon Chang (Chang San-cheng), e o presidente do Parlamento, Su Jia-Chyuan.</p> <p>Na investidura, o novo líder do hemiciclo reiterou as promessas eleitorais de mais transparência, prometendo “dar o melhor para informar (os cidadãos) sobre o avanço de todas as reformas e propostas de lei, deixando para trás as divergências entre os partidos” e garantiu que o <span class="caps">PDP</span> vai “devolver o Parlamento ao povo”.</p> <p>Paralelamente às legislativas de janeiro, que deram ao <span class="caps">PDP</span> uma maioria de 68 deputados nos 113 lugares do Parlamento, o partido independentista conquistou também a chefia do Estado. Tsai Ing-wen toma posse como a primeira mulher Presidente de Taiwan no próximo dia 20 de maio.</p>