Última hora

Última hora

Migrantes: protesto na fronteira entre a Grécia e a Macedónia

Centenas de migrantes bloquearam esta quinta-feira a principal autoestrada grega que liga o norte do país à Macedónia, para protestar contra a longa

Em leitura:

Migrantes: protesto na fronteira entre a Grécia e a Macedónia

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de migrantes bloquearam esta quinta-feira a principal autoestrada grega que liga o norte do país à Macedónia, para protestar contra a longa espera para atravessar a fronteira. Mais de oitenta autocarros com refugiados, essencialmente sírios, afegãos e iraquianos, estão bloqueados há vários dias junto à fronteira macedónia.

Um jovem afegão diz que não querem “bloquear a autoestrada, mas com o tempo frio, as crianças estão a ficar doentes e não há comida, o que é um problema”.

O campo de refugiados grego de Idomeni, também junto à fronteira com a Macedónia, encontra-se sobrelotado e milhares de pessoas esperam para passar para o país vizinho.

Outro afegão diz que espera a autorização para passar, mas “face ao frio, sobretudo com bébés, é muito difícil. Sem nada para beber ou comer”, esperam “sem saber o que vai acontecer”.

As autoridades macedónias permitiram que algumas centenas de refugiados atravessassem a passagem de Gevgelija, um número bastante reduzido face às cerca de 7000 pessoas que se encontravam bloqueadas junto à fronteira. A Macedónia culpou uma greve de taxistas, que protestavam na quarta-feira contra a interdição de transportar migrantes, pelo difícil fluxo na fronteira.