This content is not available in your region

África apoia o presidente da Confederação asiática para a presidência da FIFA

Access to the comments Comentários
De  Euronews
África apoia o presidente da Confederação asiática para a presidência da FIFA

<p>Confederação Africana de Futebol (<span class="caps">CAF</span>) anunciou esta sexta-feira que vai apoiar o xeque Salman Bin Ebrahim Al Khalifa na corrida à presidência da <span class="caps">FIFA</span>, cujas eleições se realizam a 26 de fevereiro.</p> <p>“O comité executivo da <span class="caps">CAF</span> vai dar o seu apoio total ao xeque Salman Bin Ebrahim Al Khalifa na sua candidatura à presidência da <span class="caps">FIFA</span>”, revelou o vice-presidente do organismo, Suketu Patel, aos jornalistas, à margem de uma reunião, em Kigali, no Ruanda, indicando que a escolha foi feita por unanimidade.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr"><span class="caps">CAF</span> decided to back Sheikh Salman for the <span class="caps">FIFA</span> presidential elections</p>— <span class="caps">CAF</span> (@CAF_Online) <a href="https://twitter.com/CAF_Online/status/695679210107625472">5 fevereiro 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>Pela Confederação Africana de Futebol votam 54 federações, mais uma que a <span class="caps">UEFA</span>. Pela Ásia votam 46, pela <span class="caps">CONCACAF</span> (América do Norte, Central e Caraíbas) 35, Oceânia 11 e América do Sul 10.</p> <p>Os sul-americanos da Conmebol já tinham anunciado o seu apoio a outro candidato, o italo-suíço Gianni Infantino, que também reúne apoios dentro da <span class="caps">CONCACAF</span>.</p> <p>Para alem de Salman Al Khalifa, os candidatos à presidência da entidade que tutela o futebol mundial são o antigo vice-secretário-geral da <span class="caps">FIFA</span> Jérôme Champagne, o secretário-geral da <span class="caps">UEFA</span> Gianni Infantino, o empresário sul-africano Tokyo Sexwale, o príncipe jordano Ali bin al Hussein e o presidente da Confederação Asiática, xeque Salman Bin Ebrahim Al Khalifa, são os candidatos a suceder a Joseph Blatter.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr">At Wembley today supporting <a href="https://twitter.com/Gianni_2016"><code>Gianni_2016</a> on the FIFA presidential elections. <br>You will take football forward. <a href="https://t.co/P9GzVrEAlw">pic.twitter.com/P9GzVrEAlw</a></p>&mdash; Luís Figo (</code>LuisFigo) <a href="https://twitter.com/LuisFigo/status/694220256831737856">1 fevereiro 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <b>Texto: <span class="caps">LUSA</span></b>