Última hora

Em leitura:

Europeus lançam este mês terceiro satélite do programa de observação da Terra


science

Europeus lançam este mês terceiro satélite do programa de observação da Terra

Em parceria com

A Agência Espacial Europeia (AEE) lança este mês o terceiro satélite do programa de observação da Terra Copernicus.

O Sentinel-3 junta-se a uma frota de aparelhos que recolhem dados sobre a Terra por intermédio de satélites e sensores, situados na superfície terrestre, no céu e no mar.

As empresas, o público e os responsáveis políticos poderão ter acesso a informações fidedignas e atualizadas quase em tempo real sobre a evolução do planeta e do clima.

Os dados do programa Copernicus podem ser aplicados em várias áreas: o planeamento urbano, a proteção da natureza, a agricultura, a saúde,
os transportes e o turismo.

“O sentinel-3 tem várias particularidades. O nosso equipamento é muito especial. Temos três instrumentos diferentes que nos permitem obter uma grande variedade de dados que podem ser usados em várias aplicações, a nível operacional mas também no domínio científico. Conseguimos cobrir uma grande variedade de domínios”, afirmou Susanne Mecklenburg, gestora da AEE.

O Sentinel-3 vai medir a temperatura, a cor, o peso da superfície do mar e a espessura do gelo. Ao nível da terra, o satélite vai obter dados sobre o tipo de ocupação humana e o estado da vegetação.

“É possível determinar os componentes do oceano, as algas, a clorofila, a poluição e ver como esses componentes se movimentam na terra”, explicou Constantin Mavrocordatos, da Agência Espacial Europeia.

O Copernicus é coordenado e gerido pela Comissão Europeia. Os satélites são da responsabilidade da Agência Espacial Europeia. Os sensores são desenvolvidos pela Agência Europeia do Ambiente e por alguns países da União.

A Organização Europeia para a Exploração de Satélites Meteorológicos dará apoio nas áreas do ambiente marinho, da atmosfera e das alterações climáticas.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Os nossos destaques

Artigo seguinte

science

Perguntas e respostas sobre o vírus de Zika