Última hora

Última hora

Síria: Refugiados acumulam-se na fronteira com a Turquia

Milhares de deslocados concentram-se na fronteira da Síria com a Turquia, em Bab Al-Salam. Serão já 35 mil homens, mulheres e crianças que fogem dos

Em leitura:

Síria: Refugiados acumulam-se na fronteira com a Turquia

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de deslocados concentram-se na fronteira da Síria com a Turquia, em Bab Al-Salam. Serão já 35 mil homens, mulheres e crianças que fogem dos terríveis combates na região de Alepo.

Uma Organização Não Governamental e o Crescente vermelho ergueram tendas para ajudar as pessoas a enfrentar o frio, a chuva ou mesmo neve, e fornecem alimentos.

A cada dia que passa, o desespero aumenta, bem como o número de refugiados que esperam a luz verde das autoridades turcas.

A entrada em território turco não é autorizada, apenas os feridos podem passar a fim de serem tratados nos hospitais da Turquia.

Ambulâncias e viaturas com mantimentos têm sido enviadas para o local.

A batalha de Alepo poderá ser um ponto de viragem na guerra civil da Síria. A perda do controlo daquela que é a segunda principal cidade do país, será um rude golpe para os rebeldes, já em dificuldade noutras frentes, face ao exército de Bashar al-Assad, apoiado pelo Hezbollah e a Rússia.