Última hora

Última hora

França: polémica revisão constitucional regressa ao Parlamento

Um dia depois de terem dado luz verde à inscrição da retirada da nacionalidade na Lei Fundamental, os deputados franceses pronunciam-se sobre a

Em leitura:

França: polémica revisão constitucional regressa ao Parlamento

Tamanho do texto Aa Aa

Um dia depois de terem dado luz verde à inscrição da retirada da nacionalidade na Lei Fundamental, os deputados franceses pronunciam-se sobre a totalidade da revisão constitucional.

Em cima da mesa está, por exemplo, a possibilidade de as autoridades passarem a fazer buscas sem mandato quando for decretado Estado de emergência, que os socialistas querem inscrever na Constituição.

A reforma proposta por François Hollande depois dos ataques em Paris, em novembro de 2015, dividiu o Partido Socialista e levou à demissão da ministra da Justiça, Christiane Taubira.

Esta terça-feira, os deputados aprovaram com 162 votos a favor e 148 contra, a polémica alteração à Constituição que prevê retirar a cidadania a pessoas nascidas em território francês, sem fazer referência aos binacionais.

Em França, uma alteração constitucional tem de ser aprovada por pelo menos três quintos dos membros das duas câmaras do Parlamento e do Senado.