Última hora

Última hora

Papa Francisco pede perdão aos povos indígenas

No Estado de Chiapas, uma das regiões mais pobres do México, em San Cristobal de las Casas, o Papa Francisco pediu “perdão” aos povos indígenas

Em leitura:

Papa Francisco pede perdão aos povos indígenas

Tamanho do texto Aa Aa

No Estado de Chiapas, uma das regiões mais pobres do México, em San Cristobal de las Casas, o Papa Francisco pediu “perdão” aos povos indígenas pelas “sistemáticas” incompreensões, exclusões e pela expropriação de suas terras ao iniciar sua homilia.

Primeiro pontífice latino-americano da História, o Papa emitiu este pedido de desculpas pelos crimes cometidos pela Igreja Católica contra os povos indígenas na era colonial. Trata-se de um novo passo para reverter a posição de inferioridade que muitas vezes estas culturas têm na hierarquia religiosa, ele tenta agora dar uma demonstração do importante papel destas comunidades no México.

O sucessor de Bento XVI ainda fez uma saudação em língua indígena no início da missa.

Assolado pela pobreza e pela insegurança crescente, o Estado de Chiapas foi o cenário do levante zapatista de rebeldes maias nos anos 1990, e hoje é a linha de frente da repressão governamental à imigração ilegal aos Estados Unidos a partir da América Central.