Última hora

Última hora

Apple obrigada a desbloquear telemóveis de autores do tiroteio de San Bernardino

Até agora, o presidente da Apple Tim Cook tem-se recusado a facilitar ao FBI um desbloqueio dos aparelhos dos culpados.

Em leitura:

Apple obrigada a desbloquear telemóveis de autores do tiroteio de San Bernardino

Tamanho do texto Aa Aa

O tiroteio ocorrido em San Bernardino, na Califórnia, em dezembro, que fez 14 vítimas mortais, é o pretexto para mais uma batalha entre as autoridades norte-americanas e a Apple.

Um tribunal obrigou agora o gigante da informática a desbloquear os telemóveis dos dois culpados do tiroteio.

A empresa tinha várias vezes recusado o pedido do FBI. O presidente da Apple, Tim Cook, diz que já forneceu ao FBI todas as informações que podia e que fornecer tecnologia para desbloquear os telemóveis iria criar um precedente que poria em perigo a segurança dos clientes.

Este é mais um episódio do braço-de-ferro entre as autoridades e os grupos tecnológicos, que tentam defender a imagem depois do escândalo das revelações de Edward Snowden.