Última hora

Última hora

Em leitura:

Lenda do ballet russo Anna Pavlova homenageada em Sóchi


le mag

Lenda do ballet russo Anna Pavlova homenageada em Sóchi

O Festival de Artes de Sóchi na Rússia presta homenagem à bailarina Anna Pavlova. Nascida no final do século XIX, a carismática bailarina russa criou, em 1911, a primeira companhia de bailado a realizar digressões internacionais.

“No nosso tributo, tentámos representar a forma como ela dançava. Foi uma grande artista, uma das primeiras bailarinas a viajar pelo mundo. É por isso que todos conhecem Anna Pavlova”, sublinhou o coreógrafo Stéphane Fournial.

Anna Pavlova tornou-se célebre pelo papel em “A morte do cisne”, uma coreografia de Mikhail Fokin, com música de Camille Saint-Saëns. Em Sóchi, Mariya Yakovleva interpretou o papel celebrizado pela lenda do ballet russo.

“É uma grande honra ser uma das bailarinas que teve a sorte de poder aprender esta dança e dar vida ao cisne. A técnica de pontas de Pavlova foi glorificada pelo ballet russo”, contou Mariya Yakovleva, bailarina do ballet de Viena.

“A Bela Adormecida” do compositor russo Tchaikovsky é outro bailado associado ao nome de Anna Pavlova.

“Este bailado faz sonhar rapazes e raparigas porque vemos príncipes e princesas em palco. É sempre mágico incarnar esta personagem”, afirmou o bailarino Audric Bezard, da Ópera Nacional de Paris.

O programa de homenagens à bailarina russa contou com a participação de companhias de dança de vários países, nomeadamente, da Finlândia, da Noruega e de Itália.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
O universo assustador e alucinante de Bosch em exposição na Holanda

le mag

O universo assustador e alucinante de Bosch em exposição na Holanda